Buscar
  • Ruann de Castro

Kefir para produção de compostos bioativos? É possível?


A biotransformação de substratos vegetais utilizando micro-organismos é constatada como sendo eficiente, resultando na melhoria de características nutricionais, funcionais e bioativas. O kefir, um consórcio de bactérias acéticas e láticas, além de leveduras, mostra-se bastante versátil para adaptação a diversos meios de cultivo. A lentilha, por sua vez, é um grão rico em vitaminas, minerais, carboidratos complexos e proteínas, podendo ser um excelente substrato para fermentação e obtenção de moléculas bioativas.

Pensando em associar todo o potencial biotecnológico dos grãos de kefir com a qualidade biológica das lentilhas, nosso grupo de pesquisa publicou o artigo intitulado "Kefir fermentation as a bioprocess to improve lentils antioxidant properties: is it worthwhile?" na revista Brazilian Journal of Food and Technology. Os resultados obtidos mostraram toda a versatilidade do kefir em utilizar as lentilhas como substrato, fermentar e produzir uma série de substâncias antioxidantes!

Quer saber mais? Não perca tempo e assista ao mais novo vídeo da série "Minuto Bioquímica" e aprenda mais sobre as possibilidades de utilização do kefir para fermentação de matrizes vegetais!




Acesse o artigo completo aqui!

20 visualizações
  • Instagram - Cinza Círculo
  • LinkedIn - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Facebook - círculo cinza

Rua Monteiro Lobato, nº 80

Cidade Universitária Zeferino Vaz, Campinas, São Paulo

fea.png